O PAPEL DO PROFESSOR NA ERA DIGITAL: DESAFIOS E TRANSFORMAÇÕES

Michele Bruna de Sousa Silva Gal, Débora Leite de Oliveira, Rozania Maria Alves de Moraes, Rogéria Costa Pereira

Resumo


Este trabalho propõe análise e revisão de literatura sobre o papel do professor em meio às mudanças provenientes da era digital. Sabe-se que hoje, com o advento de recursos tecnológicos cada vez mais compactos, da internet e das redes sociais, podemos ter acesso a imagens, vídeos e pesquisas a nível mundial em segundos. Abordaremos no presente trabalho a relação do professor com as novas tecnologias, o letramento digital no ambiente escolar, o letramento digital com o ensino de línguas estrangeiras e a ética que deve existir quando trabalhamos com a internet. Baseando-nos em pesquisas acerca do letramento digital, buscaremos analisar os desafios enfrentados por parte do professor em um mundo cada vez mais imediatista. Para tanto, recorremos aos estudos de Freitas (2010), Rabelo e Haguenauer (2014), Coscarelli e Ribeiro (2011) e Frade (2011), dentre outros, com o intuito de delinear o perfil do educador inserido na nova era da informação

Texto completo:

PDF

Referências


ANTONIO, J. C. Uso pedagógico do telefone móvel (Celular), Professor Digital, SBO, 13 jan. 2010. Disponível em: . Acesso: 22/05/2019.

BARBOSA, V. S; ARAÚJO, A. D.; ARAGÃO, C. O. Multimodalidade e multiletramentos em atividades de leitura em meio digital. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, v.16, n. 4, p. 623-650, 2016.

BUZATO, M. E. K. Letramento digital: um lugar para pensar em internet, educação e oportunidades. In: CONGRESSO IBERO-AMERICANO EDUCAREDE, 3., São Paulo, 2006. Anais... São Paulo: CENPEC, 2006. s/p.

BUZATO, M. E. K. O letramento eletrônico e o uso do computador no ensino de língua estrangeira: contribuições para a formação de professores. 2001. 188 f. Dissertação (Mestrado em LinguísticaAplicada)-Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2001. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/bitstream/REPOSIP/270554/1/Buzato_MarceloElKhouri_M.pdf

CESARINI, P. Computers, Technology, and Literacies. The Journal of Literacy and Technology, v. 4, n. 1, 2004, p. 1-16.

COSCARELLI, C. V. Alfabetização e letramento digital. In: COSCARELLI, C, RIBEIRO, A. E. (Org.) Letramento Digital: aspectos sociais e possibilidades pedagógica. Belo Horizonte: Ceale; Autêntica, 2005.

ESTADO DO CEARÁ. Lei n. 14.146, de 25 de junho de 2008. Dispõe sobre a proibição do uso de equipamentos de comunicação, nos estabelecimentos de ensino do Estado, durante o horário das aulas. Disponível em:< http://www.mp.ce.gov.br/orgaos >. Acesso: 20/05/2019.

FRADE, I. C. A. S. Alfabetização digital: problematização do conceito e possíveis relações com a pedagogia e com a aprendizagem inicial do sistema de escrita. In: COSCARELLI, C.; RIBEIRO, A. E. Letramento digital: aspectos sociais e possibilidades pedagógicas. 3. ed. Belo Horizonte: Ceale: Autêntica, 2011.

FREITAS, M. T. Letramento digital e formação de professores. Educação em Revista, Belo Horizonte, v.26, n.3, Dec.2010.

FUNO, L. B. A. Teletandem e formação contínua de professores vinculados à rede pública de ensino do interior paulista: um estudo de caso. 2011. 195 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Linguísticos) – Universidade Estadual Paulista, São José do Rio Preto, 2011. Disponível em: http://base.repositorio.unesp.br/bitstream/handle/11449/93894/funo_lba_me_sjrp.pdf?sequence=1 Acesso: 02/06/2019

GARCIA, D. N. M.; NORTE, M. B; MESSIAS, R. A. L. Tecnologias de Informação e Comunicação: TICs aplicadas à LE. UNESP/Redefor, 2. ed. 2012. Endereço permanente: http://acervodigital.unesp.br/handle/123456789/45825

GATTI, B. A.; BARRETO, E.S.S. Professores: aspectos de sua profissionalização, formação e valorização social. Brasília, DF: UNESCO, 2009. (Relatório de pesquisa).

LÉVY, P. Cibercultura. São Paulo: Ed. 34, 2010. 3ª Ed.; 272 p.

RABELLO, C. R. L.; HAGUENAUER, C. J. Tecnologias, novos letramentos e formação de professores para/na cibercultura. In: HAGUENAUER, C. J.; ULBRICHT, V. R.; LIMA, L. G. R. (Orgs.). Pesquisas em linguagem e educação no contexto das tecnologias digitais. Curitiba: CRV, 2014. p. 201-2116.

SANTAELLA, L. Navegar no ciberespaço: o perfil cognitivo do leitor imersivo. São Paulo: Paulus, 2004. 191 p.__. O leitor ubíquo e suas consequências para a educação. [Paraná]: Programa Agrinho, 2014. p. 27-44. Disponível em: http://www.agrinho.com.br/site/wp-content/uploads/2014/09/2_01_O-leitor-ubiquo.pdf. Acesso em: 10/09/ 2019.

SOARES, M. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica, 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2526-4478 - Qualis "B3" (2017/2018)

______________________________________________________________________________