A IMPORTÂNCIA DE SE TRABALHAR AS HABILIDADES SOCIOEMOCIONAIS NO ENSINO DE LÍNGUA INGLESA COM ALUNOS DA REDE PUBLICA: ESTUDO REALIZADO COM TURMA DO 2º ANO DO ENSINO MÉDIO

Cristiane Teixeira Ruiz, Cristiane Ruiz

Resumo


RESUMO: Este artigo pretende levar o leitor a entender a importância do ensino das habilidades socioemocionais e como podem ser desenvolvidas por meio de atividades na disciplina de Língua Estrangeira Moderna Inglês com estudantes de escola pública. Tendo como objetivo expandir as possibilidades de aprendizagem com tarefas e atividades que contemplem o desenvolvimento do estudante considerando suas necessidades cognitivas, emocionais e sociais, aprimorando suas habilidades socioemocionais que podem facilitar tanto a aprendizagem da Língua Inglesa propriamente, como também sendo um objeto transformador na a vida do educando e assim, prepará-los para enfrentar desafios encontrados no meio escolar e no mundo do trabalho. Os dados foram obtidos por meio de uma pesquisa-ação com a aplicação de dois questionários, um no início e outro ao término deste estudo, em uma turma do 2º ano do Ensino Médio da escola Estadual “Irmã Arminda Sbrissia” em Bauru, cidade localizada no interior do Estado de São Paulo.

PALAVRAS-CHAVE: Habilidades Socioemocionais; Ensino de Língua Inglesa; Desenvolvimento; Ensino-Aprendizagem


Texto completo:

PDF

Referências


ABED, Anita Lilian Zuppo. O desenvolvimento das habilidades socioemocionais como caminho para a aprendizagem e o sucesso escolar de alunos da educação básica. Construção psicopedagógica, v. 24, n. 25, p. 8-27, 2016.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Disponível online em: http://basenacional comum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf. Acesso em: 20 out. 2020.

CIA, Fabiana; BARHAM, Elizabeth Joan. Repertório de habilidades sociais, problemas de comportamento, autoconceito e desempenho acadêmico de crianças no início da escolarização. Estudos de psicologia (Campinas), v. 26, n. 1, 2009. p.45-55.

FERNANDEZ, Alicia. A inteligência aprisionada. Porto Alegre: Artmed, 1991.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. Fundamentos de Metodologia Científica. 5.ed. São Paulo: Atlas, 2003.

NUNAN, D. Research Methods in Language Teaching. Cambridge University Press, 1992.

SANTOS, Daniel; PRIMI, Ricardo. Desenvolvimento socioemocional e aprendizado escolar: uma proposta de mensuração para apoiar políticas públicas. Relatório sobre resultados preliminares do projeto de medição de competências socioemocionais no Rio de Janeiro. São Paulo: OCDE, SEEDUC, Instituto Ayrton Senna, 2014.

SÃO PAULO (Estado) Secretaria da Educação. Material de apoio ao currículo do estado de São Paulo: Caderno do professor? LEM – inglês, ensino médio, 2ª série. v.1. São Paulo: SE, 2014. p.104.

TOASSA, Gisele. Emoções e vivências em Vigotski: investigação para uma perspectiva histórico-cultural. Tese de Doutorado. São Paulo: Universidade de São Paulo, 2009.

TRIPP, D. Pesquisa-ação: uma introdução metodológica. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 31, n. 3, set./dez. 2005. p.443-466.

UNESCO. Educação para a cidadania global: preparando alunos para os desafios do século XXI. Brasília: UNESCO, 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2526-4478 - Qualis "B3" (2017/2020)

______________________________________________________________________________