A BUSCA PELA TRADUÇÃO DE TERMOS TÉCNICOS DA ÁREA DE MANUTENÇÃO DE AERONAVES: UM ESTUDO EXPLORATÓRIO.

Daniela Terenzi, Mayara Thayanna Barros Pantoja

Resumo


O estudo da língua inglesa é, reconhecidamente, importante para estudantes e profissionais, principalmente para aqueles diretamente envolvidos com tecnologia. No entanto, devido ao vocabulário técnico, específico de uma área do conhecimento, muitas vezes esse estudo é bastante difícil. Considerando o inglês para aviação, há alguns estudos cujo foco são as especificidades da língua usada por pilotos, comissários e controladores de voo, mas são raros aqueles visando à compreensão das questões linguísticas relacionadas à manutenção de aeronaves. Dessa maneira, realizamos uma pesquisa cujo objetivo era analisar, de maneira exploratória, o processo de estudo/busca de vocabulário da área de manutenção de aeronaves pelos estudantes usando fontes de consulta como glossários, dicionários e tradutores. Assim, selecionamos, usando ferramenta computacional, termos do material da FAA cuja tradução foi pesquisada em tradutores, glossários e dicionários. Ao realizar esse trabalho, observamos que há dificuldades para encontrar traduções adequadas de alguns termos. 

Texto completo:

PDF

Referências


ALBERTS-FRANCO, C. Linguística de Corpus e terminologia bilíngue: o programa antconc e a extração de termos em alemão. The ESPecialist, vol. 36, n. 2, p. 182-202, 2015.

ALMEIDA, D. C.; PRADO, M. C. A. Desenvolvendo o conteúdo programático de um curso de inglês para mecânicos de aeronaves com base em um corpus DIY1: um estudo de caso. Aviation in focus-Journal of Aeronautic Sciences. Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, v. 2, n. 2, p. 6-20, 2011.

BERBER SARDINHA, T. Linguística de Corpus. Barueri, SP : Manole. 2004.

CROCKER, D. Dictionary of Aviation. Second Edition, London, A&C Black Publishers Ltd 2005. Disponível em: http://www.air.flyingway.com/books/Dictionary_of_Aviation.pdf. Acesso em: 10/09/15

FAA. Chapter 4: Aircraft Metal Structural Repair. In: FAA. Aviation Maintenance Technician Handbook: Airframe. Volume 1. 2012. Disponível em: https://www.faa.gov/regulations_policies/handbooks_manuals/aircraft/amt_airframe_handbook/media/ama_Ch04.pdf. Acesso em: 14/10/15.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2008. ISBN 978-85-224-5142-5.

RABELLO, C. E.; MÜLLER, A. F. A tradução de textos aerotécnicos: um estudo de caso em uma MRO. Aviation in Focus-Journal of Aeronautical Sciences. v.3, n. 2, p. 67-75, 2013.

SANCHEZ, A. Definicion e historia de los corpus. In: SANCHEZ, A. et al (Org.) CUMBRE: corpus linguistico de espanol contemporaneo. Madrid: SGEL, 1995.

SARDINHA, A.P.B. Linguística de corpus. São Paulo: Manole, 2004.

__________, A.P.B. Linguística de Corpus: Histórico e Problemática. DELTA. vol.16 n. 2, São Paulo, 2000.

SHAWCROSS, P. Flightpath: Aviation English for pilots and ATCOs. Glossary of Aviation Terms. Cambridge University Press, 2011. Disponível em: http://vyre-legacy-access.cambridge.org/br/elt/catalogue/subject/project/custom/item6604469/Flightpath-Glossary-of-Aviation-Terms/?currentSubjectID=2561588. Acesso em: 15/10/15.

ZUPPARDO, M. C. A linguagem da aviação: um estudo de manuais aeronáuticos baseado na Análise Multidimensional. ReVEL, v. 11, n. 21, 2013. [www.revel.inf.br]. ISSN 1678-8931.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2526-4478

______________________________________________________________________________